BR235/BA

Terça, 02 Maio 2017 10:46

Motoristas devem tomar cuidado com excesso de poeira na BR-235/BA

Avalie este item
(0 votos)
Motoristas devem tomar cuidado com excesso de poeira na BR-235/BA Gestão Ambiental da BR-235/BA

A poeira é causada pela obra em dois trechos da rodovia e dificulta a visibilidade.


Quem transitar pelos Lotes 1 e 5 da BR-235/BA precisa dirigir com o máximo de atenção. Isso por que há homens trabalhando nestes dois trechos, o que modifica constantemente a rota da rodovia com construções de desvios. O motorista precisa respeitar as sinalizações, especialmente as de velocidade. O empreendimento é do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), autarquia federal vinculada ao Ministério dos Transportes.

 

Ao transitar pelo Lote 1, que tem 79,30 quilômetros de extensão e começa na cidade sergipana de Carira até a cidade baiana de Jeremoabo, tem que ficar atento ao excesso de poeira causado pelos serviços executados pelo Consórcio EMPA/CCM/CCL. Com a obra em ritmo acelerado, o motorista deve dirigir atento à sinalização e com faróis acessos para melhorar a visibilidade, mesmo nos 40 quilômetros já asfaltados entre Carira e o povoado de Boa Sorte, em Pedro Alexandre.

 

Já no Lote 5, que tem 75,4 quilômetros entre Pinhões e Juazeiro, as obras estão concentradas em dois pontos. O Consórcio SVC/PAVISERVICE trabalha na ponte sobre o Riacho Torão, no bairro Primavera, em Juazeiro, além dos quatro quilômetros restantes no intervalo sem asfalto na Agrovale. Nestes trechos é importante andar com baixa velocidade e também respeitar as sinalizações de obras.

 

A obra facilitará o acesso e a integração do litoral sergipano às regiões densamente povoadas do interior do norte-nordeste brasileiro, a exemplo do polo de Juazeiro-Petrolina, a 422 quilômetros da capital sergipana. Os trechos em obras liga os estados de Sergipe a Pernambuco, passando pelos municípios baianos de Coronel João Sá, Pedro Alexandre, Jeremoabo, Canché, Canudos e Uauá até chegar a Juazeiro.

 

A Implantação e Pavimentação da BR-235/BA tem o acompanhamento da equipe da Universidade Federal de Viçosa (UFV), responsável pela Gestão Ambiental do empreendimento, abrangendo a Supervisão e Gerenciamento Ambiental e a Execução dos Programas Ambientais – conforme o Termo de Cooperação, firmado com o DNIT.

Lido 625 vezes